terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Algo sobre 2014 para 2015, por J-P Caron



























Continuo não gostando de listas. Poderia repetir minhas ressalvas a listas que fiz em 2013. Mas não vou. 

Ao invés disso menciono três álbuns que deveria ter resenhado, mas não resenhei. Dois deles terão com certeza textos próprios (nem todos online e nem todos no Matéria). 

Aguardem para 2015.

Minoy (Punctum Records)



























Além do Cd/cassette, há o livrinho, vendido separadamente, com vários artigos do Joseph Nechvatal sobre o obscuro artista da Mail Art e Cassette Culture Minóy.





Zbigniew Karkowski e Tetsuo Furudate: World as Will live in São Paulo (Mentrual Recordings)































Gravado em São Paulo em 2011, quando o Ibrasotope organizou esta vinda do Zbig e do Tetsuo ao Brasil. Inacreditável ao vivo e em disco. 



IRM: Closure (Malignant Records)




























Sem comentários. Basta escutar.






Fora isto, descobertas: 

- Heavy Metal Maniac, do Alfa Lima International:



- Olho de jacaré, do DEDO:



- Gustavo Torres no Perturbe 2014. 

- Os trabalhos sonoros de Sanannda Acácia.

- Henrique Vaz


- Os livros de Nick Land. 

- Curtos Circuitos pelo Yersiniose. Esta versão desencadeou um novo projeto de larga escala. Mais sobre isso no ano que vem.


(além do álbum inteiro do projeto, lançado pela Seminal)




- Minha atuação favorita no ano foi "Stones II" no XII Encun.


Um ano sem Zbigniew.

Adeus ano velho.

J-P Caron




Nenhum comentário: